Imprimir
Categoria: Ação Social
Visualizações: 18767

 CREAS – MORRETES REALIZA ENCONTRO DE FAMILIAR

DESAPARECIDO HÁ 20 ANOS

Depois de passar 20 anos vivendo nas ruas como andarilho, e com resistência para se comunicar com as pessoas por conta de leves transtornos mentais, Djalma Vieira da Silva, 49 anos, pôde rever família deixada em Ibiporã/PR, que atualmente reside em Praia Grande/SP. Em 05/01/2016, deu entrada no Hospital e Maternidade de Morretes, trazido pela Ecovia o Sr. Djalma Vieira de Silva;no Hospital, as educadoras sociais do CREAS - Centro de Referência Especializado de Assistência Social, em parceria com a Polícia Militar de Morretes investigaram os dados pessoais do mesmo, porém, não obtiveram êxito em relação à localização de familiares ou amigos. Conforme o “Plano de Abordagem municipal da pessoa em situação de rua”, a equipe do CREAS realizou estudo social do morador de rua com o objetivo de resgatar o vínculo familiar. O Sr. Djalma vivia a perambular sem destino, pernoitando embaixo da ponte, causando indignação em uns e comoção em outros. Após contato com os CREAS e CRAS de diversos municípios, a Coordenadora do CREAS resolveu como alternativa utilizar a rede social Facebook, obtendo aproximadamente 400 compartilhamentos, chegando até o município de Praia Grande – São Paulo, onde residem os familiares do Sr. Djalma. Em 30/01/2016, a Sra. Roselandia, irmã de Djalma, entrou em contato conosco via Messenger, assustada em tomar conhecimento do estado do irmão. A família não tinha notícias do ente querido há aproximadamente 20 anos. Após contato com o CRAS e Centro POP de Praia Grande, propusemos que a Secretaria de Ação Social de Morretes levaria o usuário até a divisa de São Paulo e o Centro Pop de Praia Grande se encarregaria de encaminhá-lo. Recebemos como resposta que em virtude do feriado de carnaval, provavelmente a situação teria andamento somente na próxima segunda feira (15/02/2016). Contactamos os familiares e informamos a real situação, inclusive que a qualquer momento, o mesmo poderia ir embora do município e não teríamos como segurá-lo. Felizmente, na madrugada de domingo (07/02/2016), às 04h30min, a família entrou em contato telefônico que estava esperando a equipe CREAS, em frente ao Centro de Referência para o resgate do familiar. Acompanhados da equipe da Terceira Companhia de Polícia Militar, identificamos Djalma na Rua XV de Novembro, em frente a antiga Caixa Econômica Federal. Foi um encontro emocionante; primeiramente Djalma negou que se tratava de sua irmã, porém, quando a mãe, Sra. Leonice, já com 71 anos de idade se aproximou, chorando e chamando sua atenção pelo estado lastimável em que se encontrava, Djalma abraçou a mãe juntos choraram. Após bastante diálogo, todos os presentes se encaminharam ao Módulo Policial Militar, onde Djalma tomou banho, trocou de roupa, seguindo com destino à Paia Grande/SP

Mais informações na Secretaria de Ação Social de Morretes no fone: (41) 3462-1266